Viagens Machu Picchu

Vale Sagrado dos Incas

Vale Sagrado dos Incas

Tour Vale Sagrado dos Incas: principais atrações de Cusco!

A cidade de Cusco é aquele tipo de destino completo, com atrações históricas, belezas naturais inestimáveis e cultura sem igual que se espalha em cada canto. Entre os principais pontos turísticos da Capital do Império Inca, está a cidadela de Machu Picchu, que ficou conhecida mundialmente por ser uma lugar sagrado, considerado uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. 

O que muitos podem não saber é que a região de Cusco guarda outros atrativos igualmente sagrados e importantes para esta civilização milenar. São inúmeros sítios arqueológicos e ruínas espalhados pelos arredores da cidade. Alguns permanecem até os dias de hoje, outros foram parcialmente ou totalmente destruídos com a chegada dos espanhóis em 1532. 

Como especialistas que somos, entre os lugares que podemos destacar como imperdíveis no Peru, está o Vale Sagrado dos Incas, tão rico e importante como Machu Picchu, onde a cultura inca se mantém viva até os dias de hoje, através de tradições que foram passadas de geração em geração e de características arquitetônicas que se mantiveram por milhares de anos. 

A linguagem, a vestimenta, a produção artesanal, a culinária são alguns dos legados deixados pelo império inca nesta região de Cusco. O Tour pelo Vale Sagrado dos Incas tem como objetivo mostrar ao visitante as mais lindas paisagens naturais do vale combinados com o melhor em cultura e história, proporcionando uma experiência única e imersiva. 

Todos os pacotes de viagem para o Peru da Viagens Machu Picchu incluem o Tour no vale Sagrado dos Incas, guiado em português, para que você não perca nenhum detalhe deste fascinante e místico lugar. Entendemos que este é um passeio que não pode ficar de fora da sua viagem, devido a sua grande importância histórica para o país. Então, vamos juntos desbravar as terras sagradas dos Incas? 

Breve história do Vale Sagrado dos Incas:

Toda a região que engloba o grandioso Vale Sagrado era habitada por pequenos povos andinos que posteriormente foram conquistados pelo império Inca, principalmente entre os anos de 1438 e 1471, durante o governo do Inca Pachacutec.

Depois disso, a civilização começou a fazer construções características com seu estilo arquitetônico marcante. Foram erguidos centros e pequenas cidades com templos, plataformas para cultivo agrícolas, aquedutos e muito mais. Assim surgiram povoados importantes como Pisac, Ollantaytambo, Moray, Chinchero e até Machu Picchu, que eram peças chaves na organização política e religiosa do império. 

O lugar era considerado sagrado por ter terras férteis para o cultivo de muitos alimentos típicos dos andes e ser abundante em recursos naturais. Além disso, os incas acreditavam que o Vale Sagrado era um reflexo do céu na terra, pois o Rio Vilcanota, também considerado um rio sagrado, refletia as estrelas e se relacionava diretamente com a Via Láctea, ficando conhecido como Rio Celestial. 
Então, com a chegada dos espanhóis em 1532, iniciou-se o processo de colonização e assim o território fértil foi dividido e entregue aos invasores espanhóis, que saquearam, destruíram as antigas estruturas e, em muitos casos, construíram outros edifícios por cima, como igrejas e residências. 

Mesmo assim, muita coisa ainda foi mantida e sobreviveu ao tempo e à colonização. Por isso viajar pelo Vale Sagrado dos Incas é tão importante para conhecer todas as etapas da história do Peru e de quebra ainda apreciar algumas das paisagens mais incríveis do país. 

Para te auxiliar no seu planejamento de viagem para o Peru, deixamos aqui algumas dicas sobre o Tour no Vale Sagrado dos Incas. Continue lendo e descubra o que você vai ver por lá. 

Principais atrações do Vale Sagrado dos Incas: 

Prepare-se para descobrir os lugares mais incríveis do Peru e todos os mistérios da cultura milenar inca. Vamos juntos passear por pequenos povoados andinos que parecem ter parado no tempo e nos fazem imaginar com precisão como era a vida nestes tempos remotos e tão distintos. 

Pisac: 
O povoado de Pisac está localizado a aproximadamente 33 quilômetros da cidade de Cusco, a cerca de 2.900 metros acima do nível do mar, e é constituído por ruínas arqueológicas que contam com plataformas, aquedutos, muros, portas, pontes, cemitérios e outros, distribuídos em cerca de 4 km². 

Uma das construções que mais impressionam os visitantes são as plataformas agrícolas utilizadas para produzir alimentos típicos, construídas dentro das técnicas avançadas para a época, que fazem da civilização inca uma das mais impressionantes na área da engenharia e arquitetura. 

Dentro do Parque Arqueológico Nacional de Pisac existem outras atrações além das ruínas ancestrais. São elas:

Mercado artesanal de Pisac: este mercado local é conhecido como um dos melhores lugares para comprar artesanato típico peruano, pois possui grande variedade de produtos e ótimos preços, comparado aos mercados e lojas em Cusco. 

Os viajantes encontram aqui o lugar ideal para comprar souvenirs de viagem, como objetos de decoração, além de roupas feitas tradicionalmente com lã de alpaca e lhama, além bolsas, malas, acessórios como lenços e chapéus, tapeçaria e muito mais. 

Durante o tour pelo Vale Sagrado dos Incas, não deixe de reservar um tempo para passear pelas barracas de artesanato que se espalham pela praça principal de Pisac e enchem o povoado andino de cores. 

Museo Awanacancha: também escrito como Awana Kancha, o lugar se apresnta como Museo Vivente del Ande, um projeto criado em 2004 como uma iniciativa familiar que tem como objetivo manter viva tradições milenares e todo o conhecimento ancestral.

O trabalho aqui se iniciou com a criação de animais típicos dos andes, como lhamas e alpacas e posteriormente a comunidade local foi resgatando as técnicas milenares de confecção de tecidos utilizando a lã destes animais. Todo o processo é artesanal e cheio de história. 

Povoado de Ollantaytambo: O povoado andino de Ollantaytambo localizado dentro do Vale Sagrado dos Incas está a aproximadamente 70 quilômetros de distância da cidade de Cusco e a cerca de 2.792 metros de altitude. 

A história nos conta que o lugar foi construído no século XV sob ordens do imperador Pachacutec, para ser utilizado como um importante centro religioso, de produção agrícola e militar, pois sua localização estratégica tinha como objetivo proteger a população. 

Ollantaytambo é simplesmente um dos melhores lugares para observar as construções incas e toda a sabedoria deste povo milenar. Aqui o turista se encanta com os templos, plataformas e demais edificações, muitas delas dedicadas a realização de cerimônias. 

Andar pelas estreitas ruas de paralelepípedo de Ollantaytambo é voltar no tempo e imaginar como era o dia a dia neste povoado. O urbanismo inca aqui é um dos pontos mais importantes do passeio. 

Atualmente, o lugar é uma mistura de ruínas incas, com hotéis, lojas e restaurantes. Este é, sem dúvidas, um dos destinos mais impressionantes do Peru. 

Como é o tour pelo Vale Sagrado dos Incas? 

Elaboramos um roteiro tranquilo e confortável para você conhecer o melhor do Vale Sagrado dos Incas. Temos certeza que você viverá uma experiência única por aqui:

7:30h - 8h |  Saída do hotel. 
Após o café da manhã, nossa equipe irá buscá-lo no hotel para iniciar o tour no Vale Sagrado dos Incas. 

8h - 8:45h | Cusco até Pisac.
Saímos então da cidade de Cusco em direção ao pequeno povoado de Pisac. Lugar que guarda cultura e tradições ancestrais.

9h - 9:30h | Museu Têxtil Awanakancha.
Ainda em Pisac, vamos conhecer um importante museu, que mantém viva tradição de confecção de tecidos e revela segredos do processo de tecelagem ancestral.

9:30h - 10h | Mirante Taray.
Saindo de Pisac, passamos pelo ponto mais alto do trajeto, onde paramos para apreciar a vista da natureza exuberante do Vale Sagrado dos Incas.

10h - 11:15h | Sítio Arqueológico Pisac.
Este é o primeiro sítio arqueológico de origem inca que conheceremos no dia. Um belo exemplo da sabedoria e engenharia desta incrível civilização milenar. 

11:30h - 12h | Mercado Artesanal de Pisac.
Para quem ama artesanato local e souvenirs de viagem, este sem dúvida é um dos lugares mais interessantes para isso. São tecidos, obras de arte, decoração e muito mais. 

12h - 13h | Pisac até Urubamba. 
O passeio continua em direção ao povoado de Urubamba, em um vale cercado por montanhas e natureza de tirar o fôlego. 

13h - 14h | Almoço Buffet. 
Hora de descansar e repor as energias com um almoço buffet completo com gastronomia típica peruana às margens do rio Urubamba. 

14h - 14:45h | Urubamba até Ollantaytambo. 
Ollantaytambo é um dos assentamentos incas mais impressionantes de todo o vale. Um exemplo perfeito da urbanização inca combinado com natureza única. 

15h - 16:30h | Sítio Arqueológico de Ollantaytambo. 
Ollantaytambo era utilizado como um centro administrativo, militar e cerimonial na era inca. É o maior sítio arqueológico pré-colombiano do vale. 

Observação importante: a partir deste ponto, você tem duas opções para finalizar o passeio. A mais tradicional é embarcar no trem para Aguas Calientes, que sai da Estação de Trem de Ollantaytambo em direção a Machu Picchu Pueblo. Ou então, pode retornar a cidade de Cusco, com chegada prevista para às 18h. 

Para mais informações, entre em contato com seu agente de viagens. 

Como contratar o tour no Vale Sagrado dos Incas? 

Para reservar este passeio imperdível em Cusco, é muito simples: basta entrar em contato com nosso time de especialista e contratar qualquer um dos nossos pacotes de viagem para o Peru, pois todos os roteiros já incluem o tour. 

Para uma experiência ainda mais personalizada e intensa, você pode optar por fazer tour com um guia xamã ou ainda solicitar um guiado privado, especialmente para você e sua família. Acesse e veja todos os roteiros de viagem para o Peru disponíveis! 
 

Sugestões de Pacotes