Viagens Machu Picchu

Machu Picchu, em Quéchua, significa “Velha Montanha”. Recentemente, este, que é um dos sítios arqueológicos mais importantes do Peru, foi reconhecido como uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno.

É um lugar de muita beleza e misticismo. Conhecer Machu Picchu é entrar em contato visual, físico e histórico com a antiga civilização inca, rica em cultura e religiosidade. É um local que inspira a meditação e o autoconhecimento a qualquer pessoa que o visita.

Mesmo este sendo o principal ponto turístico do Peru, ainda gera muitas dúvidas, por isso vamos deixar aqui algumas dicas breves sobre essa cidade sagrada, desde sua história até como chegar, o que fazer e muito mais.

Começando pela história de Machu Picchu, acredita-se que foi construída por volta do século XV, comandado pelo líder inca Pachacuti. Uma das suposições é que a construção era usada como um centro  religioso e político dessa civilização. É considerada até hoje a cidade perdida dos incas, pois ninguém sabia ao certo sua localização, sendo redescoberta tempos depois, no ano de 1911, pelo arqueólogo Hiram Bingham.

Muitos também se perguntam onde fica Machu Picchu. Bem, as ruínas estão localizadas no topo de uma das montanhas da Cordilheira dos Andes, a 2.400 metros acima do nível do mar, próximo de Cusco, a aproximadamente 80 km da Capital do Império Inca.

Como chegar em Machu Picchu:

Existem várias formas de chegar em Machu Picchu, e tudo depende do seu perfil, se prefere experiências com mais aventura ou se é daqueles que buscam por conforto em suas viagens. As duas principais formas de chegar são: através de trens, que levam a Águas Calientes e são a forma mais tradicional de chegar em Machu Picchu ou a pé, percorrendo trilhas que podem durar dias e garantem uma experiência inesquecível.

1. Trilhas para Machu Picchu

► Trilha Inca: é a trilha mais procurada pelos viajantes que buscam por experiências autênticas e desejam percorrer o caminho original dos incas para chegar na cidadela. Tem opções de 2 a 4 dias de caminhada, passando por lugares incríveis, acampando no meio das montanhas e interagindo com os locais. Mas, atenção, a Trilha Inca tem número limitado de visitantes por dia, por isso é necessário reservar com antecedência.

► Trilha Salkantay: o trekking Salkantay é um caminho desafiador no meio dos andes, chegando a mais de 4.600 metros de altitude. São 5 dias de trilha em uma experiência de pura imersão na natureza exuberante e na história e cultura andina. 

2. Trem para Machu Picchu:

► Trem Expedition: esta é a categoria mais popular de trem para Machu Picchu, por ser a mais econômica. Possui estações em Cusco, Ollantaytambo e Aguas Calientes.

Trem Vistadome: de categoria superior, com janelas panorâmicas do chão ao teto o que garante uma vista espetacular da natureza ao redor. Além disso, possui shows de dança e música durante o percurso. Parte das estações de Cusco, Urubamba, Ollantaytambo e Aguas Calientes.

Trem Belmond Hiram Bingham: este é o trem de luxo para Machu Picchu. Além de janelas panorâmicas, possui vagões decorados com requinte, com opções de gastronomia típica de alto nível e shows de dança e música para deixar o passeio mais divertido. 

3. Ônibus para Machu Picchu:

Este meio de transporte não é muito comum entre os viajantes, pois é impossível chegar no povoado de Aguas Calientes de ônibus. Existe apenas a possibilidade de ir de ônibus até a cidade mais próxima e então ir caminhando até lá. A viagem de ônibus de Cusco até a Hidrelétrica, por exemplo, leva em torno de 6h e não é recomendada nos períodos de chuva. 

Clima em Machu Picchu:

Machu Picchu está localizada em grandes altitudes, a mais de 2 mil metros acima do nível do mar e em uma região de selva. Por isso, o clima por ali costuma mudar bastante durante o dia, mas a temperatura fica em uma média de 12ºC a 24ºC, esfriando durante a noite. 

• Estação das chuvas: ocorre de dezembro a março, sendo os meses mais chuvosos do ano. Mas, o viajante pode ter algumas vantagens em viajar na baixa temporada, como, por exemplo, pontos turísticos menos lotados e temperaturas mais quentes.

• Estação seca: esta é a melhor época para conhecer Machu Picchu, entre os meses de abril a meados de novembro, apesar da temperatura ser mais baixa neste período.

Conhecer uma das 7 Maravilhas do Mundo é a realização de um sonho para muitos viajantes e nós, da Viagens Machu Picchu, trabalhamos para que seja realizado de forma especial e personalizada. 

Sugestões de Pacotes