Viagens Machu Picchu

Arequipa, a cidade branca do Peru!

Localizada a 1.000 quilômetros ao sul de Lima, nos Andes meridionais e a 2.325 metros de altitude. Seu nome é composto por dois vocábulos: Are-quipa. Por ser uma expressão quéchua, o seu significado seria “ARI – QUIPAY”, enquanto que em aimará “ARI”, quer dizer “topo” e “QUIPAY” significa “detrás de” ou “detrás do topo”, referindo-se ao vulcão Misti, que contorna a cidade.

Após a sua fundação, foi imediatamente povoada pelos conquistadores e colonos espanhóis, sendo a cidade com a maior concentração de hispânicos. Foi construída, quase inteiramente, com uma pedra vulcânica branca, chamada “sillar”, muito comum nesta região, e por isso é considerada como a “Cidade Branca”.

A arquitetura colonial da cidade de Arequipa é caracterizada pela quantidade de construções religiosas e pelas mansões das autoridades, que apresentam fachadas com frontão em curva e alto, como pode ser apreciado na porta lateral da igreja da Companhia de Jesus e da igreja de Santo Domingo. Também são destaques as construções com decoração curvada, como nas abóbadas interiores, com pátios ensolarados e planejados a partir do eixo da porta.

A cidade é a segunda maior do Peru, com cerca de 800.000 mil habitantes, ficando atrás apenas de Lima, a capital peruana. Mesmo assim, a cidade branca ainda não é tão conhecida pelos turistas, e por isso você deve estar se perguntando o que fazer em Arequipa e quais são suas melhores atrações.

Podemos dizer que a região guarda riquezas históricas, culturais e naturais para todos os gostos. Nesta região encontra-se o impressionante Cânion del Colca, um dos mais profundos do mundo. Enfim, o destino merece estar no seu roteiro de viagem para o Peru, temos certeza que você irá se surpreender. Por isso, veja abaixo os pontos turísticos de Arequipa.

Onde fica Arequipa? 

Ela está localizada na Cordilheira Vulcânica do Sul, e seu principal atrativo é o vulcão Misti, com 5.825 metros de altura. Isso faz com que o solo não seja estável, por isso periodicamente, ela sofre movimentos telúricos que, ao longo da sua história, devastaram a cidade, como aconteceu nos terremotos de 1581, 1584, 1687, 1788, 1868, 1958, 1960 e o mais recente, ocorrido em junho de 2001. Por isso, normalmente, as construções têm paredes muito largas, para aguentar os abalos da terra.

Como é o clima em Arequipa:

O clima no Peru é dividido em duas principais estações: a chuvosa, na baixa temporada de viagem, e a seca, na alta temporada de viagem. 

► Época seca: abrange os meses de abril a novembro, e apesar de ser mais fria, é considerada também a melhor época para viajar para o Peru.
► Época chuvosa: durante os meses de dezembro a março a chance de chuva é maior, mas o clima é mais ameno, com temperaturas mais elevadas, de 21ºC a 9ºC.

Como chegar em Arequipa?

Para chegar em Arequipa, o turista tem duas principais opções: de avião ou de ônibus. A escolha depende da experiência que deseja ter, do tempo disponível para viajar e do quanto deseja economizar.

► Viagem de ônibus para Arequipa: a melhor opção para quem quer economizar. É possível pegar um ônibus para a Cidade Branca de Lima, Cusco e outras partes do país.

► Voo para Arequipa: para os que querem economizar tempo e ter mais conforto, avião é sempre a melhor opção. Os turistas brasileiros sempre desembarcam em Lima, de onde é possível pegar um voo interno para a cidade de Arequipa.

► Trem para Arequipa: isso mesmo, existe uma rota ferroviária que liga Cusco, Puno e Arequipa, operada pela Andean Explorer, sendo este um dos trens mais luxuosos do mundo.