Telefone viagens machupicchu+55 (21) 4042-6227

Whatsapp viagens machupicchu+51 993024550

Semana Santa em Cusco e Virgem da Candelária

Catedral principal de Cusco

Semana Santa em Cusco.

Localização.

A Semana Santa acontece na cidade de Cusco.

Data

Se comemora entre os meses de março e abril, anualmente.

Descrição.

Na Semana Santa em Cusco uma verdadeira multidão se concentra no centro histórico da cidade, principalmente nas praças San Francisco e Plaza de Armas para acompanhar as missas e procissões. Aqui existe um costume muito peculiar: na sexta-feira santa a tradição é a de preparar doze pratos para o almoço. O número doze está relacionado à quantidade dos apóstolos de Cristo. São sopas, pratos doces e salgados, além de sobremesas. De acordo ao costume, se deve comer todos os doze pratos, nem que seja uma pequena porção de cada um deles. Neste dia as celebrações se concentram na praça San Francisco. Na segunda-feira acontece a procissão do Senhor dos Tremores (Señor de los Temblores), o padroeiro de Cusco.

História.

Os costumes da Semana Santa foram introduzidos no Peru pelos conquistadores espanhóis. Assim como em todas as festas religiosas do país o sincretismo é marcante, a mistura dos antigos costumes ancestrais peruanos, com as novas práticas introduzidas pelos europeus, transforma a festa em algo único e singular. Outra característica importante desta celebração é a procissão do padroeiro, o chamado Senhor dos Tremores. A imagem do Cristo da Boa Morte, presente do rei Carlos V da Espanha, é absolutamente venerada pela população desde o ano de 1650, quando se supõe que salvou a cidade da destruição ocasionada por um grande terremoto. 

 

Virgem da Candelária.

Localização

A festa da Virgem da Candelária acontece em Puno.

Data

Se comemora entre os dias 24 de janeiro e 13 de fevereiro.

Descrição.

Uma das maiores festas do Sul do Peru, a festa da Virgem da Candelária arrasta a Puno, a capital folclórica do país, às margens do Lago Titicaca, uma verdadeira multidão que tem por objetivo assistir as apresentações de milhares de bailarinos e músicos que durantes vários dias se apresentam para render culto e homenagem à chamada Mamacha Candelária. Destacam-se nesta festa as sofisticadas e coloridas fantasias utilizadas. O dia principal da celebração acontece em 12 de fevereiro. No Peru se considera uma honra fazer parte de um grupo de dança que se apresenta na festa da Virgem da Candelária.

História

As lendas que deram origem à festa são confusas, os historiadores não chegam a um acordo sobre qual seria a mais correta. Entre as principais, contam que no ano de 1781 um grupo de rebeldes que lutava contra o governo cercou a cidade de Puno. Os moradores então retiraram a imagem da Virgem da Candelária da igreja para uma procissão. No dia seguinte o grupo bateu em retirada e não atacou a cidade. Outra lenda, de data incerta, conta que uma bela mulher que carregava um bebê apareceu em um casarão e pediu licença para poder lavar as roupas de seu filho em um rio. A pessoa que cuidava da casa foi apressada chamar o dono da propriedade. Quando voltaram encontraram uma imagem da Virgem da Candelária com as vestimentas ainda molhadas.

Caso tenha interesse em incluir no seu pacote estas festas padroeiras entre em contato com um de nossos agentes de viagens para mais informações para a sua viagem a Machu Picchu Peru
 

Blog

FaceBook

DirceturProm PeruPeruMinisterio de Cultura