Viagens Machu Picchu
Informações Gerais

Melhor roteiro de viagem para o Peru!

Melhor roteiro de viagem para o Peru!

Bom, planejar uma viagem requer muito cuidado, pois envolve muitos detalhes, como hospedagem, quando ir, o que fazer, quantos dias ficar, quanto investir e muito mais. Apesar disso, esta é uma etapa importante e divertida, de muita pesquisa, quando se viaja antes mesmo de embarcar para o novo destino.

Falando em viagem para o Peru, destino que somos especialistas, o planejamento do roteiro requer um pouco mais de cuidado, pois a logística entre os tours e entre um destino e outro pode ser um pouco complicada para quem não conhece o país, tendo em vista que alguns dos atrativos turísticos são mais retirados e de difícil acesso.

Além disso, é importante saber quais atividades não podem ficar de fora da sua viagem para o Peru e estipular quantos dias você tem para passear e o período que a viagem ocorrerá, assim é possível ir formulando um roteiro perfeito para você e que inclua todos os seus objetivos.

Ficou confuso? Parece complicado? Não se preocupe, vamos deixar neste post algumas dicas importantes para você não errar na hora de escolher o seu roteiro de viagem para o Peru e Machu Picchu. Continue lendo! 

PRINCIPAIS DICAS PARA MONTAR SEU PACOTE PARA O PERU!

Abaixo preparamos um guia passo a passo com dicas imperdíveis para você planejar a sua viagem com tranquilidade e garantir uma experiência única e inesquecível no país milenar dos incas. Pegue caneta e papel e anote para não perder nenhum detalhe.

Quantos dias são necessários para viajar para o Peru? 

Bem, esta resposta depende muito de qual é o seu objetivo durante a viagem e de quantos dias você tem disponibilidade. Por ter tantos atrativos, quanto mais você ficar no país, mais lugares e atividades você vai encontrar para fazer e explorar. Mas, sabemos que a realidade da maioria dos turistas é de não ter muitos dias disponíveis de férias ou descanso.

Neste caso, não se preocupe, podemos garantir que é possível conhecer os melhores destinos do Peru em um roteiro de 5 ou 7 dias, que é o tempo mínimo de estadia que recomendamos.

Já se você quer desbravar o país ao máximo, percorrendo algumas das suas regiões, é possível fazer isso em um roteiro de 15 ou 17 dias, bem completo, combinando história, cultura, gastronomia, paisagens naturais e muita aventura. 

Qual seu estilo de viagem?

Antes de tudo, é muito importante saber qual é o seu estilo de viagem preferido e qual o seu objetivo no Peru. Por exemplo, você prefere destinos de aventura e que proporcionam intenso contato com a natureza? Ou prefere cidades grandes, cheias de atrações? Quer uma viagem luxuosa ou mais simples? 

Enfim, o Peru é um país extremamente versátil, com  atrações que agradam todos os tipos de viajantes.


• Viagem de aventura no Peru: se você é um aventureiro, vai se impressionar com o número de atrativos que o país oferece. São trekkings no meio dos andes peruanos, montanhas nevadas, esportes radicais como rafting, tirolesa, parapente e muito mais.

Mas, sem dúvidas, as caminhadas entre lagoas, vales e montanhas são as mais procuradas entre os visitantes. A mais famosa delas é a Trilha Inca, trilha para Machu Picchu, que dura 4 dias e 3 noites em meio a paisagem exuberante dos andes e do Vale Sagrado dos Incas.

Veja opções de roteiros de aventura no Peru.


Experiência mística e esotérica no Peru: você pensa em viver algo mais profundo e de intensa imersão na cultura, história e espiritualidade ancestral no Peru? Também existem opções de roteiros voltados para o que chamamos de turismo vivencial, que inclui guias xamânicos e rituais em locais considerados sagrados pela antiga civilização inca.

Aqui o visitante viaja para conhecer um novo destino mas também para se auto conhecer, através de vivências únicas e de muita reflexão, entrando em contato harmônico com os elementos da natureza e com costumes milenares que permanecem até os dias de hoje.

Veja os roteiros místicos esotéricos no Peru.


• Viagem gastronômica no Peru: para os amantes de boa gastronomia, que tal um roteiro de viagem no Peru voltado para experimentar as delícias da culinária local? Você sabia que a gastronomia peruana está entre as melhores do mundo? E que Lima, a capital do país, é considerada a Capital Gastronômica da América do Sul?

Por isso, não tem como viajar para o Peru e não experimentar seus muitos pratos e bebidas típicas. Pensando nisso, a Viagens Machu Picchu também estruturou roteiros gastronômicos imperdíveis para os turistas que amam provar novos sabores e conhecer a cultura local através do paladar.

Nestes roteiros os visitantes são acompanhados por chefes de cozinha peruanos, que explicam sobre os produtos típicos do Peru e de toda a sua diversidade e dão aulas de cozinha, ensinando a preparar pratos como o Ceviche, símbolo do Peru e bebidas como o Pisco Sour, drink mais conhecido do país. E ao final, claro, é possível degustar tudo isso.

Conheça os roteiros gastronômicos no Peru.


• Viagem de luxo no Peru: normalmente roteiros luxuosos são menores, de menos dias, mas não menos intensos. No Peru existem muitas opções de hotéis de luxo com vistas privilegiadas e serviços exclusivos. Além disso, é possível incrementar a experiência fazendo tours privados, fazendo viagens de trens de luxo, como o Belmond Hiram Bingham que leva para Machu Picchu e o Trem Belmond Andean Explorer, que vai de Cusco até Arequipa, passando pelo grandioso Lago Titicaca.

Lua de mel no Peru: sim, também é possível comemorar uma data especial no Peru, como lua de mel, aniversário e outros. Neste pacote, os diferenciais são os serviços inclusos, como jantares românticos em restaurantes renomados, hotéis cheios de luxo e requinte, guias e traslados exclusivos e fotógrafo profissional acompanhando os passeios.

Além disso, é possível preparar pacotes especiais para casamentos, para celebrar a união no estilo característico no Peru, com um casamento andino. Já imaginou? 

Qual a melhor época para viajar para o Peru? 

O clima no Peru é dividido em duas principais estações: a seca e a chuvosa. A recomendação é que os visitantes venham sempre entre os meses de abril a novembro, que é período mais seco, de alta temporada de viagem no país, quando as temperaturas são menores e as chances de chuva também. Ou seja, os dias são mais ensolarados, apesar de serem mais frios.

A baixa temporada de viagem no Peru vai de dezembro a março, quando as temperaturas sobem e a chuva é bem mais frequente. Neste período os pontos turísticos estão mais vazios e os preços costumam ser mais em conta, excelente para quem quer economizar. A única atração turista que fecha em fevereiro é a Trilha Inca, o restante continua funcionando normalmente. 

Quais atrações não podem faltar no melhor roteiro de viagem para o Peru? 

Entre tantas cidades históricas e atrações turísticas, separamos as principais, aqueles lugares únicos que não podem ficar de fora do roteiro pelo Peru. A lista é grande, mas você pode adaptá-la de acordo com o tempo que tiver disponível para viajar.

► Cidade de Cusco: Este é o principal destino turístico do Peru, por ser a cidade mais próxima de Machu Picchu e do Valle Sagrado dos Incas. Conta com inúmeras atrações turísticas entre sítios arqueológicos e paisagens naturais de tirar o fôlego como a Montanha Colorida e a Laguna Humantay, ou seja, é a cidade base para vários outros destinos.

Passar por suas ruas é voltar no tempo e conhecer de perto a cultura milenar dos incas. É impossível não se impressionar com seu Centro Histórico, com a Plaza de Armas e com seus museus, cheios de história.


Machu Picchu: Este é o destino mais procurado por visitantes do mundo todo e a principal atração do Peru. Não à toa é considerada uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno e impressiona por sua beleza natural e importância histórica e cultural. Guarda até os dias de hoje segredos e costumes milenares da civilização inca e muitos dizem que a cidadela possui uma energia diferente, que é impossível não ser sentida.

Machu Picchu está localizada em meio às montanhas dos andes a mais de 2400 metros acima do nível do mar, sendo Cusco a cidade mais próxima e Aguas Calientes o povoado mais perto das ruínas. É possível chegar em Machu Picchu por trilhas que duram dias de caminhada ou de trem, em uma viagem mais rápida.

A melhor época para conhecer Machu Picchu é entre os meses de abril a novembro, considerados a alta temporada de viagem no Peru. O ideal é comprar o ingresso para Machu Picchu com antecedência, pois as vagas diárias são limitadas.


► Águas Calientes: este simpático povoado fica às margens do Rio Urubamba e aos pés das montanhas dos Andes Peruanos. É o povoado mais próximo de Machu Picchu e só é possível chegar até ele de trem ou por trilhas.

Apesar de também ser conhecida como Machu Picchu Pueblo, seu nome tem como origem as águas termais da região. São poços termais que chegam a 46 graus e possuem propriedades medicinais. Além deste atrativo, na região também é possível conhecer um museu sobre a cidadela inca, passear pela praça principal, experimentar a culinária local e fazer compras de artesanato típico peruano nas lojinhas.

Leia também: Dicas do Que Fazer em Aguas Calientes Antes de Conhecer Machu Picchu.


► Lima, a Capital Peruana: a capital do Peru tem seu charme, sendo banhada pelo Oceano Pacífico, com arquitetura que mistura o moderno e o colonial, diversos atrativos turísticos, museus e muiiita gastronomia para todos os gostos.

É o destino perfeito para quem ama conhecer grandes cidades e ainda assim ter acesso a lugares de belezas naturais inigualáveis, como a cidade de Paracas, as Linhas de Nazca e o Oásis de Huacachina, que ficam a poucas horas de Lima.

Entre as muitas atrações estão a Plaza de Armas de Lima e todo o centro história, uma infinidade de museus, parques, o Circuito Mágico das Águas, os bairros de Miraflores, San Isidro e Barranco e o incrível Sítio Arqueológico de Huaca Pucllana, que se mantém até os dias de hoje em meios aos agitos da cidade.


Lago Titicaca: o lago navegável mais alto do mundo fica localizado na cidade de Puno e é uma das atrações mais impressionantes do Peru. Nele é possível visitar as famosas ilhas flutuantes, feitas de totora, um material típico da região e interagir com a cultura local. Aqui, a cultura ancestral ainda é mantida e se manifesta nas vestimentas, na alimentação, no artesanato e na língua falada pelo povo.

► Huaraz: Este é o destino perfeito para os aventureiros de plantão, também conhecida como a “Suíça Peruana”, por ter muitos nevados, glaciares e lagoas. Possui muitas opções de caminhadas em paisagens de tirar o fôlego. Simplesmente imperdível! 

► Montanha Colorida do Peru: conhecida como Montanha Vinicunca ou Montanha Sete Cores do Peru, esta atração entrou para a lista dos 100 destinos para conhecer antes de morrer. É uma paisagem diferente de tudo que você já viu. Mas, prepare-se: o trekking para chegar no topo é de uma dificuldade média/alta e leva em torno de 3 horas e chega a quase 6 mil metros de altitude. Ou seja, é necessário ter um pouco de preparo físico para conhecer essa atração.

Além de todas essas atrações citadas acima, consideradas imperdíveis, existem uma infinidade de outros destinos que deixamos aqui também como dica e que valem a pena serem visitados: a cidade de Arequipa, a cidade de Trujillo, a Reserva Nacional de Paracas, o tour nas Linhas de Nazca, o impressionante Oásis de Huacachina, a inigualável Laguna Humantay, toda a região amazônica do Peru, entre outros.

Aliás, tem matéria especial sobre todos estes lugares no blog da Viagens Machu Picchu, com dicas do que fazer, onde se hospedar, quando ir e muito mais. Acesse e fique por dentro de tudo!

Dica extra para montar seu roteiro de viagem para o Peru: 

A nossa última dica para montar um roteiro perfeito é: contrate uma agência de viagem local especializada no destino, como a Viagens Machu Picchu. Temos uma equipe preparada para te atender de maneira personalizada no Brasil e no Peru, com conhecimento impecável sobre o país milenar dos incas e que, garantimos, irá montar um roteiro à sua medida, atendendo todas as suas necessidades e desejos.

Nossos guias locais fluentes em português já apresentaram a cidadela inca de Machu Picchu para mais de 40 mil pessoas e nós ficamos muito gratos em fazer parte do sonho de todas essas pessoas.

Contratar uma agência local é a garantia de que sua viagem será segura e tranquila e o melhor: seu tempo será otimizado, pois o roteiro foi pensado para que você aproveite ao máximo cada minuto de viagem. Além disso, você conta com assistência 24 horas antes e durante a viagem, evitando qualquer imprevisto.

Quer saber mais sobre o nosso trabalho e solicitar um orçamento personalizado para Machu Picchu? Entre em contato com a nossa equipe!