Viagens Machu Picchu
Informações Gerais

Como posso organizar minha primeira viagem internacional?

Como posso organizar minha primeira viagem internacional?

Para todos os aventureiros de primeira viagem ao se tratar de itinerários internacionais, lhe damos algumas recomendações e informações úteis, para que esse tema já não seja uma preocupação. É importante informar-se antes, para evitar situações desagradáveis e aproveitar ao máximo seu passeio. Confira as dicas para organizar uma viagem internacional.

Destinos
Quando se busca um destino deve-se considerar as características climáticas e geográficas de cada opção a ser avaliada e em qual época do ano será ao momento de sua chegada, para que assim saiba que roupas levar. A América do Sul, talvez pela proximidade e facilidade, seja uma boa escolha. O Peru, por exemplo, se destaca como um dos melhores destinos do continente contando com uma gastronomia excepcional e diversificada. Também conta com vários pontos turísticos importantes incluindo uma das sete maravilhas do mundo moderno, Machu Picchu e o lago navegável mais alto do mundo, o Lago Titicaca.

Malas
Nunca deixe a arrumação das malas para o último momento, evitando assim o risco de esquecer qualquer coisa que seja importante para sua viagem. Na bagagem de mão priorize somente coisas pessoais e pequenas como dinheiro, documentos, cartões e artigos de higiene pessoal, além dos aparelhos eletrônicos, para minimizar o risco de que sejam danificados durante a viagem. Enquanto às malas maiores que serão despachadas, se possível, tente personaliza-las colocando algo para diferenciar das outras, como fitas coloridas. Dessa maneira identificá-las na esteira na hora de sua chegada fica bem mais fácil.

Dinheiro
Além da passagem, parte dos gastos de uma viagem estão no próprio país de seu destino, então, qual seria a melhor opção de moeda para levar? Dólares, reais ou dinheiro local? Não há uma resposta exata. Isso varia de acordo com o país e o continente para o qual você vai viajar. No caso da América Latina, levar Reais pode não ser uma boa idéia, já que você poderá perder dinheiro no processo de câmbio. Dificilmente uma casa de câmbio pagará bem por seus Reais. Ter Dólares em espécie (notas) é sempre indicado. Você também pode usar cartões de crédito ou cartões do tipo Travel Money, que são cartões de débito internacionais, recarregáveis.

Saiba mais em nossa página de Dicas e Recomendações.

Filas e mais filas
Chegando no destino, você será direcionado a uma fila que é a fila da imigração. Lá, terá que apresentar seus documentos, além de especificar quanto tempo deseja ficar no país e o motivo da viagem. Não se desespere caso o fiscal lhe fizer várias perguntas e é muito importante que você responda todas calmamente, para assim evitar qualquer tipo de problema. Em último caso, lhe pedirá para que abra sua mala ou mochila, caso algo suspeito seja detectado no raio x. De igual maneira, mantenha a calma e mostre todos os objetos para que possa entrar no país.

Uma longa viagem
Você passará um bom tempo dentro do avião, afinal se trata de uma viagem internacional. Usando como exemplo o Peru, são aproximadamente cinco horas de viagem. Assim, roupas confortáveis, um bom livro ou escolher um bom filme (dependendo da companhia, voos internacionais contam com televisões pessoais para cada passageiro) são boas recomendações para passar o tempo e chegar mais relaxado.

Vacinas
Não podemos esquecer das vacinas e da carteirinha de vacinação internacional, afinal ninguém gosta de ficar doente, muito menos durante as férias. Pesquise no site da ANVISA quais vacinas são obrigatórias para os destinos que deseja conhecer.

Saiba mais em nossa página de Dicas e Recomendações.

Adaptadores
Cada país possui o um tipo padrão de tomada e alguns são muito diferentes dos que encontramos no Brasil, assim que sempre leve adaptadores. Caso não tenha ou esqueça de levar em sua mala, a maioria dos hotéis oferece adaptadores aos seus hóspedes, mas se prevenir é a melhor ideia para não haver preocupações.

Gostou das recomendações? Então não pare por aqui e leia também Dicas e Recomendações para viajar ao Peru.